Procon-PB constata aglomeração e clientes sem máscaras em shoppings de JP

No total foram fiscalizados cerca de 267 estabelecimentos comerciais pelo Procon Estadual

O órgão de Proteção e Defesa do Consumidor da Paraíba (Procon-PB) realizou um fiscalização nos shoppings de João Pessoa, após a reabertura do comércio e constatou diversas irregularidades e descumprimento dos protocolos de prevenção ao novo coronavírus por clientes, estabelecidos em decretos pelo Governo do Estado.

As fiscalizações foram realizadas entre os dias 13 e 17 de julho e foram flagradas clientes sem usar máscara de proteção e consumo de alimentos nos corredores dos shoppings, após retirada dos alimentos na praça de alimentação.

Também foram identificados aglomerações em sofás e bancos, descumprindo as demarcações e norma de distanciamento. Devido a isso, alguns shoppings foram obrigados a retirar assentos localizados nos corredores e praças de lazer, para evitar aglomeração de pessoas.

No total foram fiscalizados cerca de 267 estabelecimentos comerciais pelo Procon Estadual. A superintendente do Procon-PB, Késsia Cavalcanti, explicou que muitos consumidores ocuparam espaços proibidos.

“No caso das compras de alimentos, esses consumidores devem ter pensado: já peguei, é meu e eu como onde eu quiser”, e, por isso, o Procon-PB alertou os shoppings para que intervenham na desobediência dos clientes.

Comente