Procon-CG dá prazo de 10 dias para Avianca solucionar voos cancelados

O Procon de Campina Grande notificou na manhã desta quarta-feira (24),  a empresa aérea Ocean Air Linhas Aéreas S/A Avianca a informar, no prazo de dez dias, as razões técnicas para o cancelamentos dos voos e apresentar soluções aos consumidores prejudicados. O cancelamento de voos ocorreu em virtude da crise que a empresa passa.

Na última segunda-feira, 22, a companhia aérea precisou devolver 18 aeronaves, das 25 que ainda possuía, por falta de pagamento. Desde dezembro de 2018, a empresa passa por um processo de recuperação judicial. Já são mais de 1.300 voos cancelados entre a última sexta-feira, 19, e o domingo da próxima semana, dia 28 de abril.

O coordenador executivo do Procon Municipal, Rivaldo Rodrigues, orienta ao consumidor que, de alguma forma se sentiu prejudicado por estes cancelamentos, a primeiramente procurar o site da Avianca e solicitar uma resposta oficial da empresa acerca da solução do problema.

“Nestes casos, a Avianca pode adquirir bilhetes para que o passageiro viaje por outra companhia aérea ou devolver integralmente o valor pago. Se não houve uma resposta satisfatória da Avianca, o consumidor deve procurar os órgãos de proteção e defesa ao consumidor, como o Procon de Campina Grande e também registrar o caso no site www.consumidor.gov.br. E pode ainda entrar com uma ação no judiciário contra a Avianca”, orienta Rivaldo Rodrigues.

Comente