Priscylla’s Hall fecha por tempo indeterminado por conta do coronavírus

 

Considerada uma das casas noturnas mais badaladas de João Pessoa, a Priscylla’s Hall anunciou, nesta segunda-feira (16), a suspensão de suas atividades por tempo ideterminado, devido o avanço no novo coronavírus no Brasil.

“Priscylla’s Hall em quarentena. Corona vírus (sic). Estamos fechando por tempo indeterminado”, comunicou a casa noturna nas redes sociais.

Logos após o anúncio, frequentadores da Priscylla’s Hall comentaram a decisão. “Luto por tempo indeterminado”, lamentou um. “Parabéns! a responsabilidade é de todos nós”, elogiou outro.

No domingo (15), a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) baixou um decreto, determinando uma série de prevenções ao novo coronavírus.

Entre as ações, o decreto determina a suspensão de eventos culturais ou esportivos na cidade que reúnam mais de 250 pessoas. A PMJP também decidiu cancelar as férias dos profissionais da saúde do município nos próximos 60 dias.

Confira abaixo todas as medidas do decreto

  • Recomendação a pacientes com sintomas respiratórios para ficarem restritos ao domicílio e evitar ambientes com aglomerações;
  • Disponibilização de Central de Orientações por telefone com médicos para atender em plantão a população;
  • Suspensão de eventos de massa (governamentais, esportivos, artísticos, culturais, políticos, científicos, comerciais e religiosos) com público superior a 250 pessoas em espaço aberto e superior a 100 pessoas em espaços fechados;
  • Locais de grande circulação de pessoas, como terminais urbanos, shopping centers e comércio em geral devem reforçar medidas de higienização e disponibilizar álcool gel 70%;
  • Os serviços de alimentação, tais como restaurante, lanchonetes e bares deverão adotar medidas de prevenção para conter a disseminação da Covid-19;
  • Os estabelecimentos de ensino deverão manter rotinas de prevenção;
  • O Procon- JP realizará fiscalizações para coibir o aumento injustificado de preços de produtos de combate e proteção a Covid-19;
  • Ficam suspensas as viagens de servidores do município programadas, enquanto perdurar o estado de emergência de saúde pública;
  • Suspensão de férias aos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde até 15 de maio.

Comente