Preocupado com rejeição de Bolsonaro no Nordeste, Julian pede injeção financeira do PSL na região

O ex-coordenador da campanha de Jair Bolsonaro (PSL) no Nordeste e atualmente deputado federal pela Paraíba, Julian Lemos, pediu uma atenção financeira maior da legenda no Nordeste. As vitórias sucessivas da candidatos de esquerda na região preocupam o dirigente partidário (Julian preside a comissão provisória que dirige o PSL na Paraíba).

“O Nordeste vai precisar de uma atenção (financeira) mais especial devido às estratégias políticas para mudar o resultado eleitoral”, referindo-se à vitória do petista Fernando Haddad sobre Bolsonaro na região na eleição do ano passado.

A legenda deve receber nos próximos quatro anos R$ 737 milhões de fundos públicos para se programa para as eleições municipais, em 2020, e presidenciais – em 2022.

As falas de Julian aconteceram durante posse do deputado federal Eduardo Bolsonaro como presidente do diretório regional de São Paulo. O evento, que reuniu cerca de 400 pessoas, aconteceu no luxuoso Hotel Renaissance, nos Jardins, bairro nobre da capital paulista.

Comente