Prefeitura justifica remoção de árvores por estarem muito próximas e atraírem morcegos

Após a derrubada de árvores do canteiro do Centro de Pedro Régis, a gestão do prefeito José Aurélio, mais conhecido como Baia (PSDB), emitiu uma nota de esclarecimento sobre o ocorrido. Para a Prefeitura, as árvores estavam muito próximas uma das outras, “desrespeitando a distância mínima recomendada de ao menos 10 metros entre uma árvore e outra” e elas atraíam insetos e morcegos para a região. Além disso, a remoção já estava no cronograma da Secretaria de Infraestrutura do Município.

Leia a nota na íntegra:

A Prefeitura Municipal de Pedro Régis PB, informa que a remoção de duas árvores da espécie “Oiti” na Av. Senador Ruy Carneiro – centro da cidade, foi realizada pela Secretaria de Infraestrutura na manhã de hoje (25 de abril).

O motivo da remoção se deve pelo fato das árvores estarem muito próximas umas das outras, desrespeitando a distância mínima recomendada de ao menos 10 metros entre uma árvore e outra. As árvores removidas (2) não são nativas da região e são conhecidas por atrair insetos e morcegos – transmissor da raiva.

A cidade de Pedro Régis PB completa 25 anos de emancipação política na próxima segunda-feira (29/04), e a administração está limpando os canteiros e finalizando obras no local onde será realizado os festejos, que inclusive, é no mesmo local onde às árvores foram removidas.

A remoção da árvore estava na pauta da Secretaria de Infraestrutura a algum tempo, mas estrategicamente foi realizada próximo da festa da cidade pelo simples motivo de usar a mesma equipe de funcionários para desenvolver outras atividades – além da remoção da árvore, com intuito de economizar dinheiro dos cofres públicos e otimizar o trabalho dos funcionários e colaboradores.

A Prefeitura Municipal de Pedro Régis PB é amiga do meio ambiente, nos últimos 6 anos plantou mais de 40 árvores na Av. Senador Ruy Carneiro, a poucos metros de onde as árvores foram removidas, e esclarece que estas árvores serão replantadas próximo da Creche Albertina Diniz, a menos de 500 metros do local onde foram removidas.

Nas escolas, a Prefeitura Municipal – em parceria com a Secretaria de Educação, promove palestras de conscientização ambiental, ensinando como separar e reciclar o lixo para a Coleta Seletiva, que está sendo implantada no município.

No dia 03 de Abril, promovemos uma audiência pública com o Ministério Público, a população e os estudantes sobre o fim do lixão e a importância da Coleta Seletiva para que possamos criar gerações mais conscientes e dispostas a cuidar do meio ambiente.

Comente