Prefeitura de Patos orienta gestores e conselheiros sobre a descentralização da merenda escolar

Gestores escolares e membros da comissão permanente de licitação das escolas da rede municipal de ensino de Patos participaram nesta quarta-feira (25), da segunda reunião que discutiu o processo de descentralização da merenda escolar.

Além dos representantes escolares, a programação contou com as presenças da secretária de educação, Francineide Souto, dos nutricionistas Glauber Melquíades e Rochelli Neves, do assessor técnico da Secretaria de Educação, Rony Monteiro, e do gerente da comissão de licitação, Alex Camboim, que na ocasião prestaram esclarecimentos sobre o processo de descentralização através da modalidade carta convite.

Para a secretária de educação, Francineide Souto, a reunião teve como principal finalidade, o repasse de informações para gestores e conselheiros, sobre como utilizar corretamente os recursos da merenda escolar. “A nossa preocupação é proporcionar uma merenda de qualidade nas nossas escolas, e garantir com isso toda a autonomia solicitada pelos conselhos escolares no início desse ano”, afirmou a secretária.

De acordo com Rony Monteiro, assessor técnico da Secretaria de Educação, treze escolas de Patos ultrapassam o limite de R$ 17.600,00, (dezessete mil e seiscentos reais), e por essa razão estão inclusas na Lei 8.666, “Lei das Licitações”. “A Lei determina que três empresas possam ser convidadas. Esses fornecedores têm de estar devidamente regularizados e não apenas ter preço”, explicou.

A Nutricionista Rochelli Neves de Lucena, a descentralização da merenda escolar irá ajudar na dinâmica de trabalho dos conselhos, uma vez que o produto será comprado no comércio local. “É um processo muito bom, pois permite as nossas escolas possam comprar os produtos no comércio local, gerando com isso, mais recursos para a nossa economia”, finalizou a nutricionista.

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]