Prefeitura de Cuitegi diz que adiantou cronograma para não perder vacinas

A Prefeitura de Cuitegi divulgou uma nota, nesta quinta-feira (8), explicando o fato do pai do coordenador Gutenberg Braz Marthis, da Secretaria de Saúde de Cuitegi, Genival Marthis ter se vacinado contra a Covid-19, mesmo não integrando o grupo do cronograma da vacinação do município.

A gestão municipal afirmou que foi preciso antecipar a vacinação da faixa etária entre 60 e 64 anos, pois “cada frasco de vacina possui uma quantidade entre nove e dez doses que, após aberto, a durabilidade das vacinas são reduzidas para apenas seis horas, sendo que, em muitos casos há que escolher entre perder vacinas ou antecipar faixas de idade e vacinar”.

A nota ainda ressalta o fato da gestão municipal não ter cometido “qualquer ato ilegal antecipando a faixa etária de vacinação”.

Veja nota na íntegra