Preço do material de construção tem diferença de R$ 124, em João Pessoa

Levantamento foi realizado pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor, que visitou em 10 estabelecimentos e coletou 145 itens

Pesquisa de preços para material de construção realizada pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) encontrou uma diferença de até R$ 124,00 na caixa d’água de fibra 1000 litros, com preços entre R$ 380,00 (Lojão da Econômica – Geisel) e R$ 504,00 (LV Construções – Valentina). O levantamento do Procon-JP traz preços de 145 itens coletados em 10 estabelecimentos de João Pessoa.

A maior variação, porém, ficou com a tinta de parede 18 litros Iquine, 118%, com os preços oscilando entre R$ 75,00 (Lojão da Econômica – Geisel) e R$ 164,00 (Comag- Geisel), diferença de R$ 89,00. Foram pesquisados preços de produtos como tintas, tijolos, telhas, verniz, solventes, caixas d’água, massa corrida, massa acrílica interna e externa, portas, areia, brita cal e cimento.

O secretário Rougger Guerra aconselha ao consumidor a consultar a pesquisa do Procon-JP antes comprar esse tipo de produto já que os preços estão bem diferenciados para um mesmo produto e marca, o que significa uma considerável economia no orçamento. “Quem pretende construir ou reformar o imóvel neste momento, deve ficar atento para os preços e pesquisar antes de comprar. A oscilação está bem aparente em alguns itens”.

Outras diferenças

A pesquisa de preços do Procon-JP para material de construção encontrou outras grandes diferenças nos preços, a exemplo da caixa d’água de fibra 500 litros, R$ 122,00, com preços entre R$ 235,00 (Lojão da Econômica – Geisel) e R$ 357,00 (Empório da Construção – Mandacaru); no tijolo 8 furos, R$ 100,00, com preços entre R$ 650,00 (Comag – Geisel) e R$ 750,00 (LV – Valentina); no balcão de fibra, R$ 75,00, com preços entre R$ 95,00 (Triunfo Construções – Mandacaru) e R$ 170,00 (Empório da Construção – Mandacaru).

A pesquisa coletou preços nos seguintes estabelecimentos: A.R Ferragens (Cristo); Shalom Material de Construção e Revestimento, NV Material de Construção e New Center (Torre); Depósito Araújo (Jaguaribe); Lojão da Econômica e Comag (Geisel); Empório da Construção e Triunfo Construções (Mandacaru); e LV Construções (Valentina).