Preço do gás de cozinha registra diferença de R$ 25 em João Pessoa, aponta Procon

Levantamento foi realizado na segunda-feira (19) em 36 revendedores distribuídos em 25 bairros da capital paraibana

Foto: Ilustração

Pesquisa realizada pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) para preço do gás de cozinha na Capital registra uma diferença de R$ 25 para pagamento à vista, com o botijão de 13 quilos oscilando entre R$ 95 (Posto Setta – Ilha do Bispo) e R$ 120 (Kiko Gás – Alto do Mateus), com variação de 26,3% e média de R$ 109,55. O Procon-JP traz, ainda, preços do vasilhame, cheio, de 13 quilos, para quem desejar adquirir mais uma unidade desse produto. Confira a pesquisa completa aqui.

O levantamento, que foi realizado no dia 19 de dezembro em 36 revendedores distribuídos em 25 bairros da Capital, mostra, também, que o menor preço do gás de cozinha reduziu em R$ 10 quando comparado à pesquisa do Procon-JP, realizada no último dia 24 de outubro, com o maior permanecendo o mesmo.

Cartão – Para pagamento no cartão de crédito, o Procon-JP encontrou o menor preço a R$ 110 (em 14 estabelecimentos), com o maior sendo comercializado a R$ 130 (Kiko Gás – Alto do Mateus), com média de R$ 115, variação de 18,2% e diferença de R$ 20.

Botijão cheio – Já o botijão de 13 quilos para quem está pensando em adquirir mais um vasilhame, cheio, está oscilando entre R$ 280 (Depósito D’Almir – Bairro dos Estados) e R$ 320 (Bancários Gás – Bancários), com diferença de R$ 40, média de R$ 297,14 e variação de 14,3%.