Políticos paraibanos lamentam morte do ex-governador Wilson Braga

Ele faleceu no fim da noite desse domingo (17), aos 88 anos, vítima do novo coronavírus

Políticos paraibanos lamentaram, nesta segunda-feira (18) a morte do ex-governador da Paraíba, Wilson Braga, aos 88 anos, vítima do novo coronavírus. Ele faleceu no fim da noite desse domingo (17).

Wilson estava internado no Hospital Nossa Senhora das Neves, em João Pessoa desde o dia 1º de maio, com sua esposa, a ex-deputada Lúcia Braga, que faleceu no dia 9 de maio, também vítima da Covid-19.

Confira notas

Tovar Correia Lima

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB) lamentou o falecimento do ex-governador Wilson Braga, vítima do novo coronavírus. “Wilson deixa um legado para a Paraíba como exemplo de homem público. Atuou em defesa dos mais carentes e pelo desenvolvimento do semiárido” disse.

Quando governador, Wilson Braga lançou o projeto Canaã, com objetivo de promover captação e aproveitamento de recursos hídricos e a multiplicação de empregos no sertão atingido pela seca. Também foi ação sua o projeto João de Barro, que criava estímulos às famílias desabrigadas para a construção de suas próprias casas.

A área social do seu governo foi marcada pela construção de 14 mil casas populares na periferia de João Pessoa e criação de vagas para assegurar acesso à educação.

Wilson era casado com Lúcia Braga, que morreu na sexta-feira (8), vítima da Covid-19. Ele era formado em Direito e exerceu cargos de deputado estadual, deputado federal, governador da Paraíba, vereador e prefeito de João Pessoa.

Veneziano Vital do Rêgo

O senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB), por meio de suas redes sociais, emitiu nota de pesar pelo falecimento do ex-governador Wilson Braga. O político paraibano estava em internação hospitalar desde o dia 1º de maio em João Pessoa, e foi vítima de complicações em decorrência de infecção pela Covid-19.

Veneziano defendeu o legado de Braga, que exerceu cargos de deputado estadual, deputado federal, governador da Paraíba, vereador e prefeito de João Pessoa, na história e na memória dos paraibanos. De acordo com o senador, através destes mandatos a população da Paraíba pôde ver de perto os benefícios e obras em favor do povo paraibano.

“Pesarosamente nós recebemos, logo cedo, a notícia do falecimento do governador Wilson Leite Braga. Eu tive a oportunidade de conviver e acompanhar a trajetória política de Wilson de 1982 a 1986, em que o governador deixou marcas aos paraibanos, nos setores assistencial, habitacional e principalmente o projeto Canaã, que levou água em especial para o Cariri e Sertão da Paraíba. Os nossos sinceros sentimentos ao grande homem público Wilson Leite Braga”, afirmou Veneziano.

Raniery Paulino

Wilson Braga tem muita relevância na minha vida pública. Em 2006 foi a minha primeira eleição e fiz dobradinha com ele. Nos elegemos, eu deputado estadual e ele deputado federal. Em 2010 ele foi candidato a deputado estadual e também fomos eleitos… fomos colegas de parlamento. Virei líder da bancada do MDB, liderando um dos maiores homens públicos da Paraíba, um desafio, uma honra.

Wilson Leite Braga foi um dos maiores governadores da Paraíba, marcou uma época, fez história e não será esquecido. O homem se foi, mas as obras e foram muitas, ficaram, e o eternizou. Agora, “ELE VOLTARÁ DE NOVO” ao encontro de Dona Lucia.

A Paraíba em MUTIRÃO se solidariza com a sua família, seus amigos e correligionários. Meus pêsames.

Ruy Carneiro

O deputado federal Ruy Carneiro, por meio de suas redes sociais, emitiu nota de pesar pelo falecimento do ex-governador Wilson Braga. O político paraibano estava em internação hospitalar desde o dia 1º de maio em João Pessoa, e foi vítima de complicações em decorrência de infecção pelo novo coronavírus. Ruy defendeu o legado de Braga, que exerceu cargos de deputado estadual, federal, governador da Paraíba, vereador e prefeito de João Pessoa. 

“O grande líder e homem popular, Wilson Leite Braga, concluiu sua passagem de muito trabalho em favor dos mais necessitados. Foi uma vida marcada pela defesa do povo em cada cargo público por que passou. Wilson agora segue para encontrar sua companheira vida, Lúcia. E ambos seguirão para sempre na história do nosso estado e no coração de cada paraibano. Que a infinita misericórdia divina possa confortar a família, e descanse em paz esse grande homem que plantou a semente da compaixão aqui na terra”, afirmou Ruy Carneiro.

Thiago Lucena

O vereador de João Pessoa, Thiago Lucena (PRTB), lamentou a morte do ex-governador Wilson Braga, vítima da Covid-19, e disse que ao assumir o Governo da Paraíba o político garantiu habitação com dignidade a 14 mil famílias na Capital Paraibana. Além disso, por meio do projeto Canaã, assegurou a captação e aproveitamento de recursos hídricos, gerando a multiplicação de empregos no Sertão duramente atingido pela seca.
 
“Todos sempre vão lembrar do governo Wilson Braga e também das suas passagens pelos parlamentos, inclusive pela Prefeitura e Câmara Municipal de João Pessoa. Investiu na educação e em ações sociais em defesa dos mais vulneráveis. Foram diversas ações voltadas ao socorro às famílias que enfrentavam uma grande estiada, com a construção de barragens e açudes. Deixo os meus sentimentos aos familiares e amigos nesse momento de profundo pesar”, disse Thiago.
 
Wilson Braga já ocupou diversos cargos públicos, entre os quais: Deputado Estadual (1955-1967 e 2011-2015); Deputado Federal (1967-1982, 1995-1999, 1999-2003 e 2007-2011); Vereador de João Pessoa (1993-1994); Governador da Paraíba (1983-1986) e Prefeito de João Pessoa (1989-1990).
 
Nascido no município de Conceição no dia 18 de julho de 1931, Wilson Leite Braga era filho de Francisco de Oliveira Braga e de Francisca Leite Braga. O pai foi chefe político do vale do Piancó e três vezes prefeito da cidade natal.
 
Braga era casado com a ex-deputada Antônia Lúcia Navarro Braga com quem tem teve três filhos, Marcelo (falecido), Patrícia (falecida) e Marianna. Tem como irmãos a ex-deputada estadual e ex-prefeita de Conceição Vani Braga, o médico e ex-prefeito de Conceição Walter Leite Braga, e Nice Leite Braga Pegado, que é mãe do ex-prefeito Alexandre Braga.

José Maranhão

NOTA

Nós, paraibanos, estamos de luto, não somente porque perdemos um grande e honrado homem público, mas, sobretudo, pela perda de um amigo.

Amigo é alguém extremamente valioso e, muitos e muitos de nós, tínhamos nesta conta Wilson Braga, que estava sempre presente nos momentos mais difíceis e definitivos de nossas vidas.

Chegou sua hora de voar, meu leal amigo. Junto de Lúcia, sua eterna companheira, vá conhecer a paz infinita no horizonte sem fim, onde habita nosso Deus.

Senador José Maranhão
Presidente Estadual do MDB da Paraíba

Berg Lima

NOTA

Recebemos, com muita tristeza, a notícia do falecimento do ex-governador Wilson Leite Braga.

Seus mandatos sempre beneficiaram Bayeux, cidade que ele tinha carinho.

Em nome da Prefeitura Municipal, apresentamos nossa solidariedade aos familiares, e ao povo da Paraíba, que perde um grande homem.

Berg Lima
Prefeito do Município de Bayeux

Romero Rodrigues

O prefeito Romero Rodrigues lamentou, nesta segunda-feira, 18, a morte do ex-governador Wilson Leite Braga, aos 88 anos de idade. O ex-governador faleceu na noite deste domingo, 17, vítima da Covid-19.

Segundo Romero Rodrigues, a morte do líder político deixa o Estado inteiro de luto e também marca o fim de um círculo histórico de uma geração de líderes que causaram grande impacto na vida contemporânea dos paraibanos.

Ao longo de quase 70 anos de vida pública, Wilson Braga galgou importantes cargos, mas deixou sua marca como governador e creio ser o Projeto Canaã, na área de recursos hídricos, a iniciativa mais emblemática de sua gestão.

“Todos os que tivemos oportunidade e o privilégio de conhecer o ex-governador, natural de Piancó, aprendemos muito com ele e sua história de vida. Ele nos deixa, após heroica resistência, exatos nove dias após a partida da esposa e companheira de toda a vida, a ex-deputada Lúcia Braga, a quem também homenageamos”, afirmou. 

Wilson Braga foi um dos fundadores do PSD na Paraíba. O partido é presidido, no Estado, pelo prefeito Romero Rodrigues.