Polícia Federal deflagra operação contra compra de votos, na Paraíba

Investigação começou a partir do momento em que os policiais receberam uma notícia de crime relacionada à possível prática da conduta

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (11), a operação Manilkara e cumpre oito mandados de busca e apreensão na Paraíba, expedidos pelo Juízo da 16ª Zona Eleitoral de Campina Grande.

A investigação começou a partir do momento em que a Polícia Federal em Campina Grande recebeu notícia de crime relacionada à possível prática de conduta popularmente conhecida por compra de votos, que teria ocorrido no município de Massaranduba.

De acordo com o que foi apurado, um candidato a vereador, mediante o auxílio de terceiros, teria oferecido, a eleitores, em troca de votos, benefícios tais como próteses dentárias, material de construção e dinheiro.

A operação foi batizada com o nome científico da árvore Massaranduba/PB, uma referência ao município em que foram cumpridas todas as medidas judiciais. 20 policiais federais participaram da ação.