Publicidade
Cotidiano

Polícia prende suspeitos de matarem militantes do MST em Alhandra

Orlando e Rodrigo foram mortos por volta das 19h30 no assentamento “Dom José Maria Pires”, do MST

Nas primeiras horas desta sexta-feira (17) a Polícia Civil da Paraíba deflagrou a Operação Ampulheta nas cidades de Alhandra e João Pessoa.

- Continua depois da publicidade -

+ Dois integrantes do MST da PB são mortos em assentamento na Grande JP

O objetivo foi o de dar cumprimento a mandados de prisão e de busca e apreensão nas residências dos apontados pelas investigações como autores do duplo homicídio das vítimas José Bernardo da Silva, conhecido por Orlando, e Paulo Rodrigo de Freitas, conhecido por Rodrigo.

O duplo homicídio ocorreu no no começo de dezembro do ano passado, por volta das 19h30, no acampamento “Dom José Maria Pires” do MST – Movimento Sem Terra, município de Alhandra-PB.

Rawlinson Bezerra de Lima, conhecido como Ralph, foi preso em sua residência situada à Av. Cabo Branco, em João Pessoa, enquanto que Leandro Soares da Silva foi preso no acampamento Dom José Maria Pires, em Alhandra.

Outra prisão aconteceu agora há pouco no bairro do José Américo, em João Pessoa

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar