PMJP inicia entrega de 20,8 mil cestas básicas à população em vulnerabilidade social

Ação vai beneficiar mais de 41 mil pessoas como parte da política pública de apoio às famílias que mais dependem do poder público durante a pandemia

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) iniciou na manhã desta quarta-feira (17) a entrega de 20,8 mil cestas nutricionais e kits de higiene para a população em situação de vulnerabilidade social e econômica de 37 territórios da Capital paraibana. A ação, que integra o Programa João Pessoa Sustentável, desenvolvido em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), vai beneficiar mais de 41 mil pessoas como parte da política pública de apoio às famílias que mais dependem do poder público durante a pandemia do novo coronavírus.

O trabalho é resultado de uma ação piloto do Centro de Monitoramento da Cidade, incluído no João Pessoa Sustentável, um programa arrojado de planejamento com 60 ações que visam preparar a Capital paraibana para os próximos 30 anos e um milhão de habitantes. O Centro de Monitoramento será um equipamento tecnológico capaz monitorar o movimento e o desenvolvimento de João Pessoa. Para esta distribuição, a PMJP realiza um esforço concentrado envolvendo diversas secretarias (Sedes, Sedurb, Semob, Semhab, Seinfra, Sedec, Saúde, Secom, Sead, Guarda Municipal, Defesa Civil, Orçamento Participativo e IPM), contando também com a parceria do Exército Brasileiro.

Nesta primeira etapa da distribuição, que se estende até a sexta-feira (19), serão entregues 3.426 cestas, de porta em porta, em comunidades como o Residencial Colinas de Gramame, beneficiada na manhã desta quarta-feira. Ao todo, serão beneficiados 37 territórios definidos a partir de critérios do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em áreas que já integram o Programa, como as oito comunidades do Complexo da Beira Rio, além dos quatro conjuntos habitacionais e pessoas em maior condição de vulnerabilidade social e econômica incluídas nas redes de assistência da Prefeitura de João Pessoa ou que vivem em áreas de risco que já são atendidas pela PMJP através das secretarias de Habitação, Desenvolvimento Social e Defesa Civil.

“João Pessoa tem uma gestão preocupada em levar qualidade de vida aos seus moradores e atender suas necessidades, se aproximando de quem mais precisa e cuidando de seus cidadãos. Tendo em vista a crise ocasionada pela pandemia do novo coronavírus, também estamos tendo a oportunidade de dar um auxílio e segurança alimentar a milhares de famílias que enfrentam este período com mais vulnerabilidade social e econômica”, explicou Rivaldo Lopes, coordenador geral do Programa João Pessoa Sustentável.

Mais ações

A Prefeitura vem desenvolvendo um conjunto de medidas que visam à segurança alimentar da população durante este período de duração das medidas de combate à pandemia da Covid-19. Na rede municipal de ensino, por exemplo, todas as unidades de escolas e creches estão oferecendo gratuitamente o almoço e um lanche para 65 mil alunos matriculados. Os restaurantes populares e as cozinhas comunitárias também chegam a oferecer 3,9 mil refeições diariamente, além da entrega de 4,5 mil cestas já distribuídas anteriormente e de 105 toneladas de alimentos da Agricultura Familiar através do Banco de Alimentos.

“A Prefeitura já havia feito a distribuição de mais de 4,5 mil cestas nutricionais ainda no início da pandemia. Com esta nova ação, mais de 41 mil pessoas estarão sendo beneficiadas, em uma grande operação logística que evita aglomerações e assegura a entrega de itens essenciais para milhares de famílias”, afirmou um dos coordenadores do processo de entrega das cestas, o secretário de Desenvolvimento Urbano, Zennedy Bezerra.