PM prende suspeito de participar do assalto a clube de tiros no Bessa

A Polícia Militar prendeu, nesta terça-feira (26), um dos suspeitos do assalto à Associação Pessoense de Tiro, ocorrido por volta das 22h dia 21 de fevereiro, no bairro do Bessa, em João Pessoa. Segundo informações da PM, dois funcionários saíam do estabelecimento, localizado próximo a BR-230, quando homens chegaram armados, em um carro branco, invadiram o local, renderam os funcionários em um quarto e, em seguida, roubaram as armas.

O homem detido pela polícia também é o principal suspeito de atuar na venda noturna de drogas na comunidade Mumbaba, que fica no Bairro das Indústrias, entre as cidades de João Pessoa e Santa Rita.

O suspeito, de 28 anos, tinha conseguido fugir de uma operação policial no local na semana passada, mas desta vez foi cercado e preso em flagrante.

Com ele, foram apreendidos 55 papelotes de maconha, 84 embalagens com cocaína prontas para a venda, balança de precisão, um fardamento camuflado, um par de coturnos, dinheiro e material de embalar drogas.

Todo o material estava no ponto de comercialização que ele estaria atuando, principalmente durante as noites e madrugadas, na rua Agricultor José Joaquim do Nascimento.

O comandante da Força Regional, major Giuseppe Bruno, disse que a prisão do suspeito foi resultado da indicação da Coordenadoria de Inteligência (COInt), que vinha levantando informações sobre o homem.

“Há suspeitas de que ele não só tem atuação no tráfico de drogas, mas também na participação em assaltos, inclusive ao que aconteceu a um clube de tiros, no dia 21 de fevereiro, no bairro do Bessa”, adiantou. O preso detido pela PM foi apresentado com todo o material apreendido na Central de Flagrantes, no bairro do Geisel.

Comente