Pequenos negócios na PB geram 40% mais empregos em 2019 do que 2018

Os pequenos negócios na Paraíba geraram um total de 8.976 empregos entre os meses de janeiro e dezembro de 2019, de acordo com relatório do Sebrae feito a partir de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O número é 40% maior que o registrado no mesmo período de 2018, quando as micro e pequenas empresas geraram um total de 6.376 vagas no estado.

Segundo dados do Caged, no ano de 2019 os setores que mais geraram empregos nos pequenos negócios na Paraíba foram o de serviços, com 5.602 empregos gerados entre janeiro e dezembro, e o de comércio, com 1.930 vagas no mesmo período, seguido ainda pelo setor da agropecuária, que foi responsável por 1.331 oportunidades nas MPE durante o ano.

O desempenho dos pequenos negócios na geração de vagas de trabalho formal apontam mais uma vez para a importância das micro e pequenas empresas para a economia do país. Quando analisados os números das médias e grande empresas no estado, observa-se que essas, por sua vez, tiveram um desempenho negativo em 2019, com o fechamento de 2.828 vagas em 2019 – em 2018, elas já haviam fechado 911 oportunidades.

De acordo com a gerente de planejamento estratégico do Sebrae Paraíba, Ivani Costa, 2020 parece apresentar-se como um ano favorável à criação de novos estoques de vagas para o setor de serviços. “As alterações advindas da reforma trabalhista deverão gerar um impacto no modelo de terceirização, uma vez que as médias e grandes empresas buscam nos pequenos negócios as parcerias para reduzir seus custos operacionais. Além disso, os serviços ligados às novas matrizes energéticas, especialmente aquelas vinculadas às energias renováveis serão responsáveis por ocupações não vistas antes no nosso estado”, disse. Segundo ela, ainda, os serviços relacionados aos cuidados pessoais e bem-estar seguem a crescente do ano anterior. No comércio atacadista e na pequena indústria, as vagas relacionadas à automação, inovação e logística da operação devem impactar nesses novos números.

No Brasil

Os pequenos negócios terminaram o ano com um saldo de 731 mil postos de trabalho, número 22% acima do registrado em 2018.  Já as médias e grandes empresas encerram o ano com um saldo negativo de 88 mil vagas, quase o dobro do registrado em 2018. Em todos os setores da atividade econômica, em 2019, os pequenos negócios registraram saldos positivos de emprego, com destaque para o setor de Serviços, que gerou um saldo de quase 400 mil postos de trabalho, mais da metade dos empregos criados por esse nicho de empresas em 2019. Já as médias e grandes empresas registraram saldo positivo de emprego em apenas um único setor: a Extrativa Mineral (+3.480).

Comente