Pedras de Fogo, Caaporã e Cabedelo lideram casos da Covid-19 por mil habitantes, na Grande JP

De acordo com levantamento realizado em 2019, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, Pedras de Fogo tem 28.458 habitantes

Pedras de Fogo é a cidade com a maior taxa de infectados pelo novo coronavírus por 100 mil habitantes, na Grande João Pessoa. De acordo com boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgados nesta quinta-feira (16), a cidade tem, atualmente, uma taxa de 39,2 infectados a cada 100 mil habitantes.

De acordo com levantamento realizado em 2019 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Pedras de Fogo tem 28.458 habitantes e, conforme a SES, 1.117 infectados e 18 mortes.

Com uma população de 20.653 habitantes, Caaporã vem em segundo lugar, com a taxa de incidência proporcional de 38,4 infectados por 100 mil habitantes. Atualmente, o município tem 840 casos confirmados de coronavírus e nove mortes.

João Pessoa vem em oitavo lugar, com 21,51 casos confirmados por 100 mil habitantes. Atualmente a Capital tem uma população de 720.954 mil pessoas e, de acordo com dados divulgados pela SES, 17.407 infectados e 497 óbitos.

Confira a taxa dos municípios de pessoas infectadas por 100 mil habitantes da Grande João Pesssoa

  1. Pedras de Fogo: 28.458 habitantes, 1.117 casos confirmados e uma taxa de infectados de 39,2 por 100 mil habitantes.
  2. Caaporã: 20.653 habitantes, 840 casos confirmados e uma taxa de infectados de 38,4 por 100 mil habitantes.
  3. Cabedelo: 66.858 habitantes, 2.096 casos confirmados e uma taxa de infectados de 30,94 por 100 mil habitantes.
  4. Rio Tinto: 24.176 habitantes, 746 casos confirmados e uma taxa de infectados de 30,8 por 100 mil habitantes.
  5. Pitimbu: 18.685 habitantes, 549 casos confirmados e uma taxa de infectados de 28,7 por 100 mil habitantes.
  6. Alhandra: 18.324 habitantes, 465 casos confirmados e uma taxa de infectados de 23,7 por 100 mil habitantes.
  7. Conde: 24.670 habitantes, 556 casos confirmados e uma taxa de infectados de 22,5 por 100 mil habitantes.
  8. João Pessoa: 720.954 habitantes, xxx casos confirmados e uma taxa de infectados de 21,51 por 100 mil habitante
  9. Lucena: 12,029 habitantes, 242 casos confirmados e uma taxa de infectados de 18,5 por 100 mil habitante
  10. Cruz do Espírito Santo: 16.317 habitantes, 244 casos confirmados e uma taxa de infectados de 14 por 100 mil habitantes.
  11. Santa Rita: 120.333 habitantes, 1.715 casos confirmados e uma taxa de infectados de 12,5 por 100 mil habitantes.
  12. Bayeux: 96.550 habitantes, 1.130 casos confirmados e uma taxa de infectados de 11,6 por 100 mil habitantes.

Nesta quinta-feira (16), mais 1.484 casos de coronavírus foram confirmados na Paraíba. O estado passa a ter, com essa atualização, 65.423 infectados. Quanto aos óbitos, 35 foram confirmados desde a última atualização, 8 deles ocorridos nas últimas 24 horas. Atualmente, a Paraíba tem 1.418 vítimas fatais.

A ocupação total de leitos de UTI em todo o estado é de 52%. Na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 59%. Em Campina Grande, estão ocupados 47% dos leitos de UTI adulto e no sertão, 56% dos leitos de UTI para adultos.

A população usada para a proporção é uma estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Comente