Paraibana é cotada para disputar a Prefeitura de São Paulo pelo PSOL

A paraibana Luiza Erundina pode ser a candidata do PSOL à Prefeitura de São Paulo nas eleições deste ano. É o que revela a coluna Painel publicada nesta sexta-feira (3) pelo jornal Folha de SP.

Conforme a publicação, Erundina teria como vice Guilherme Boulos, o mesmo que concorreu a Presidência da República pelo PSOL, em 2018.

Erundina foi eleita à primeira prefeita da capital paulista em 1988. Atualmente, a paraibana de Uiraúna exerce o sexto mandato consecutivo de deputada federal pelo Estado de São Paulo.

“A dupla tem potencial para avançar sobre dois redutos do partido. Erundina, que comandou a capital paulista no início dos anos 1990, tem eleitorado fiel na periferia; e Boulos conquistaria o chamado voto ideológico da classe média”, diz trecho da publicação.

Clique aqui ou leia abaixo as notas publicadas na Folha de SP

Inimigo mora ao lado

A consolidação de uma candidatura do PSOL para a disputa pela Prefeitura de São Paulo tem causado preocupação em parte da direção do PT. A avaliação é a de que, se confirmada, a chapa formada por Luiza Erundina e Guilherme Boulos pode enfraquecer o partido no pleito de outubro.

Cinturão vermelho

De acordo com petistas, a dupla tem potencial para avançar sobre dois redutos do partido. Erundina, que comandou a capital paulista no início dos anos 1990, tem eleitorado fiel na periferia; e Boulos conquistaria o chamado voto ideológico da classe média.