Paraíba é o 4º estado com internet mais rápida do Nordeste; veja ranking

A Paraíba é o quarto estado com internet mais rápida do Nordeste, registrando média de 81 mega, de acordo com Prêmio Melhor Escolha 2024, que analisou 2,8 milhões de testes de velocidade entre janeiro e dezembro de 2023. Estado fica atrás de Piauí que registrou 87 mega, seguido por Maranhão com 85 mega e Ceará com 84 mega.

Em 2023, o estudo registrou oito estados e dez capitais com médias de velocidade acima de 100 Mbps na internet fixa.

No ranking estadual, o campeão foi o Distrito Federal, com média de 127 Mbps. Na outra ponta, o estado com a pior internet do Brasil foi o Amapá, com média de 67 Mbps. Confira:

Ranking estadual de internet fixa

Dentre as capitais, Curitiba (PR) se destacou com a melhor internet, com velocidade de 135 Mbps. No fim da lista, estão Macapá (AP) e Recife (PE), com média de 71 Mbps. Veja:

Ranking de capitais de internet fixa

Operadoras locais

Apesar da Vivo ser a melhor operadora na média nacional, os provedores regionais ganharam destaque em 2023, sendo líderes em 12 estados do Brasil, número 33% maior que o registrado no ano anterior.

Em São Paulo, por exemplo, a Desktop passou a Vivo, com velocidade média de 152 Mbps; em Alagoas, Pernambuco e Sergipe, a primeira posição ficou com a Brisanet.

Melhor operadora de internet fixa do Brasil

Pelo segundo ano consecutivo, a Vivo foi a melhor operadora de internet fixa do Brasil no que diz respeito à velocidade.

No ano passado, a Vivo venceu com melhor download, melhor upload e melhor ping. Confira os rankings:

Melhor download

  • Vivo – 136 Mbps (megabits por segundo)
  • Oi – 128 Mbps
  • Tim – 119 Mbps
  • Claro – 104 Mbps

Melhor upload

  • Vivo – 78 Mbps
  • Tim – 77 Mbps
  • Oi – 72 Mbps
  • Claro – 38 Mbps

Melhor ping (quanto mais baixo o número, melhor)

  • Vivo – 41 milisegundos
  • Tim – 41 milisegundos
  • Oi – 46 milisegundos
  • Claro – 54 milisegundos

De modo geral, a internet brasileira melhorou em 2023, com velocidade média de 107 Mbps, contra 79 Mbps em 2022. “Percebemos que a velocidade da internet está crescendo em todo o país, com uma clara evolução nas ofertas de planos de banda larga, que estão cada vez mais rápidos para atender a demanda de uma sociedade mais conectada”, aponta Hadassa Rodrigues, Gerente de Marketing da Melhor Escolha, plataforma de comparação de planos e serviços de telecomunicação responsável pelo estudo.