Pai de estudante baleado dentro de escola da PMJP desabafa: ‘se fosse na rua, era outra coisa’

O pai do adolescente de 14 anos baleado dentro de uma escola em João Pessoa, nesta segunda-feira (18), desabafou sobre o caso. Para ele, a bala que atingiu o estudante não partiu de fora da unidade escolar.

“Se fosse na rua era outra coisa, mas dentro da escola ele tomou um tiro? Quem atirou no meu menino tava lá dentro da escola mesmo”, afirmou.

O adolescente foi atingido por um tiro no rosto quando estava dentro do banheiro de uma escola municipal, que fica localizada no bairro do Cristo Redentor. O estudante foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado para o Hospital de Emergência e Trauma. Ele recebeu alta ainda no final da tarde desta segunda-feira (18).

De acordo com a Secretaria de Educação Municipal, a hipótese é que a bala tenha partido de uma casa que fica ao lado da escola e que está desocupada no momento. O diretor de Gestão Curricular da Secretaria, Gilberto Cruz, explicou que no banheiro onde estava o estudante tem um “cobogó que dá acesso à casa”.

Segundo o diretor, o adolescente é um “bom aluno, tem um bom histórico, dentro e fora da escola, boas notas”, e acredita que o disparo que atingiu o estudante não foi dado de forma intencional.

O delegado da Polícia Civil, Carlos Othon informou que o caso está sob investigação e só será possível afirmar de onde partiu o disparo após conclusão da perícia criminal.