Opera Paraíba contempla mais de 150 paraibanos neste fim de semana

Mais de 150 paraibanos deixaram a fila de espera por uma cirurgia eletiva nesse fim de semana no estado. O programa Opera Paraíba contemplou as cidades de João Pessoa, Campina Grande, Queimadas, Patos e Piancó. As especialidades atendidas foram de cirurgias gerais e ginecológicas.

Na Maternidade Dr. Peregrino Filho, em Patos, foram realizadas mais 20 cirurgias ginecológicas nas usuárias do sertão. Ainda na mesma região, o Hospital Regional de Piancó beneficiou a população da cidade e municípios vizinhos.

Em Campina Grande, as intervenções aconteceram no Hospital de Clínicas, que alcançou o número de mil cirurgias realizadas em um mês. Na cidade vizinha, o Hospital Regional de Queimadas também tirou da fila pacientes que aguardavam a oportunidade de realizar uma cirurgia. Já na capital, os procedimentos aconteceram no Hospital Edson Ramalho.

Desde o início do Opera Paraíba, em 2019, já foram realizadas mais de 10 mil cirurgias no estado, e a meta até o final de dezembro é alcançar o número de 12 mil cirurgias.

“O programa Opera Paraíba, idealizado pelo Governo do Estado, deve superar até o fim do ano a marca de 12 mil cirurgias destinadas aos paraibanos e paraibanas, e assim diminuir o vazio assistencial de  décadas na área da saúde”, disse Geraldo Medeiros, secretário de estado da Saúde.