MPPB investiga Prefeitura de Mari por supostas irregularidades em prestação de contas

O Ministério Público da Paraíba (MPPB), por meio da Promotoria de Justiça de Mari instaurou, nesta sexta-feira (7) um inquérito civil para apurar supostas irregularidades na prestação de contas do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), no município de Mari, sob a responsabilidade do ex-prefeito, Marcos Martins (PSB).

A ação foi recebida pelo MPPB em 15 de dezembro de 2015 e a instauração foi realizada no dia 14 de novembro de 2017.

De acordo com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), o programa PDDE “tem por finalidade prestar assistência financeira para as escolas, em caráter suplementar, a fim de contribuir para manutenção e melhoria da infraestrutura física e pedagógica, com consequente elevação do desempenho escolar. Também visa fortalecer a participação social e a autogestão escolar.”