MPF investiga participação de empresa suspeita em licitação de prefeitura no Agreste da PB

Possíveis irregularidades são referentes as tomadas de preços para pintura das escolas municipais e para construção de áreas de eventos na cidade, realizada em duas etapas

A Prefeitura de São Sebastião de Lagoa de Roça é alvo de inquérito civil, instaurado pelo Ministério Público Federal (MPF) para apurar supostas irregularidades na participação da  empresa M&M Construção LTDA em licitação no município.

As possíveis irregularidades são referentes as tomadas de preços para pinturas das escolas municipais e construção de áreas de eventos na cidade, realizadas em duas etapas. O MPF converteu a Notícia de Fato em inquérito civil, para poder apurar a denúncia e, de forma regular e formal, poder coletar os elementos necessários para auxiliar nas investigações.

O procedimento administrativo investigatório foi instaurado pelo procurador da República, Renan Paes Félix. A portaria da investigação foi autorizada no dia 21 de julho e publicada no Diário do MPF desta terça-feira (27).

Comente