MPF instaura inquérito contra ex-prefeito do Brejo por contas irregulares

MPF entra com recurso no TRF5 para que Creci-PB demita servidores sem concurso

O Ministério Público Federal na Paraíba (MPF-PB) instaurou um inquérito civil contra o ex-prefeito de Areia, Paulo Gomes Pereira, em razão de não apresentar documentação comprobatória para prestação de contas da aplicação dos recursos repassados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

De acordo com o MPF, a prestação de contas que está sob investigação é referente ao ano de exercício de 2014.

O inquérito tem prazo de um ano para sua conclusão. A portaria que instaura a investigação está assinada pelo Procurador da República Bruno Galvão Paiva.

Comente