MP explica que veto à torcida do Botafogo-PB no Clássico Tradição vale apenas para organizadas

Nada de torcida única em Treze x Botafogo-PB! O Clássico Tradição da 18ª e última rodada da Série C do Campeonato Brasileiro deve mesmo contar com trezeanos e botafoguenses nas arquibancadas. De acordo com Valberto Lira, que é procurador de Justiça e também presidente da Comissão Permanente de Prevenção e Combate à Violência nos Estádios, órgão ligado ao Ministério Público da Paraíba (MPPB), a sua recomendação é apenas o veto para as organizadas do Belo, o time visitante do jogo marcado para o próximo dia 24.

Em novo contato com o GloboEsporte.com, na manhã desta quinta-feira, Valberto Lira garantiu que a sua recomendação foi apenas para as organizadas do clube visitante. Enquanto isso, as organizadas do Treze estão liberadas para apoiar o time, com exceção da Jovem do Galo, que foi punida pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) ainda no início da Série C.

“A informação de torcida única foi precipitada. Eu sempre quis dizer que o veto era apenas às torcidas organizadas do Botafogo-PB, o pessoal uniformizado. Mas, de resto, a partida vai ser como sempre, com o espaço destinado aos torcedores visitantes”, disse Valberto Lira.

A princípio, Valberto Lira havia afirmado, após a solicitação da diretoria do Treze, o Clássico Tradição aconteceria com torcida única. A recomendação, por óbvio, incomodou os botafoguenses que, por meio do presidente Sérgio Meira, avisou que conversaria com o procurador para que a solicitação fosse desfeita.

A reunião entre representantes do Botafogo-PB e do Ministério Público, por sinal, aconteceu na tarde dessa quarta-feira, na sede do MP, e, segundo o mandatário botafoguense, ficou acertado que a torcida do Belo estava liberada, com exceção das organizadas do clube.

Com isso, o Estádio Amigão, em Campina Grande, vai marcar o segundo e último Clássico Tradição da temporada. A expectativa é de que a partida tenha ares de final de campeonato, já que Treze e Botafogo-PB podem entrar na rodada decisiva da Terceirona com objetivos para lá de importantes pensando em 2020. É que o Galo ocupa a nona colocação, com 15 pontos, e luta para não ser rebaixado. Do outro lado, o Belo é quinto, com 24 pontos, e briga por uma vaga no G-4, que leva para o mata-mata do acesso à Série B. As informações são do GloboEsporte.com PB.

Comente