Maternidade será desinfectada após secretária morrer com suspeita de coronavírus

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que já está em curso um processo de desinfecção da Maternidade Frei Damião, na parte interna do prédio e nas áreas de cuidado e de apoio da unidade. A secretária da direção da unidade, uma mulher de 31 anos, morreu nesta terça-feira (24) com sintomas de coronavírus.

+ Resultado do exame de mulher que morreu com suspeita de coronavírus na PB sai nesta terça

Além disso, está organizando uma equipe de resposta rápida de psicólogos e psiquiatras para cuidado e manejo ao estresse pós traumático que funciona como suporte a todos os profissionais que trabalhavam com a vítima do trágico evento.

Nas próximas 24 horas, durante todo o processo de desinfecção, a Frei Damião receberá o apoio de outras maternidades da Rede, que irão trabalhar como retaguarda da unidade para que os atendimentos de emergência encaminhados pelo SAMU e algumas demandas espontâneas possam ser encaminhadas prioritariamente para esses hospitais.

Comente