- Publicidade -
Política

Manoel Jr. nega rompimento com Cartaxo e diz que PSC não está na aliança para “opinar”; ouça

O vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Jr. (PSC), negou rompimento com o grupo dos irmãos Cartaxo e do senador Cássio Cunha Lima por ter tido seu nome rifado em uma das vagas do Senado na chapa majoritária da oposição. Segundo Manoel, o PSC almeja a vaga, mas não foi convidado à aliança para “opinar”.

- Continua depois da publicidade -

“Não existe rompimento nenhum. Não tenho motivo para romper com Luciano Cartaxo. Ele, obviamente, fez e faz as escolhas do ponto de vista partidário. O meu partido reivindica uma vaga de senador ou reivindicava porque não foi convidado para opinar”, disse.

Segundo Manoel Jr., os problemas maiores observados pelo PSC se encontram na chapa proporcional, pois as lideranças políticas da legenda precisam ser acomodadas.

“Precisamos acomodar Leonardo Gadelha, os candidatos a deputado estadual e isso tudo tem que ser visto neste quadro político que se constrói”, comentou.

As falas do vice-prefeito foram dadas ao jornalista Suetoni Maior, da Rádio CBN João Pessoa.

Comente

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar