‘Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo’ estreia nos cinemas da Paraíba

A comédia musical “Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo” estreia nos cinemas da Paraíba nesta quinta-feira (2). A trama se passa um ano após a morte de Donna (Meryl Streep), quando sua filha Sophie (Amanda Seyfried) está prestes a reinaugurar o hotel da mãe, agora totalmente reformado. Para isso, ela convida seus três “pais”, Harry (Colin Firth), Sam (Pierce Brosnan) e Bill (Stellan Skarsgard) e as eternas amigas da mãe, Rosie (Julie Walters) e Tanya (Christine Baranski), ao mesmo tempo em que precisa lidar com a distância do marido Sky (Dominic Cooper).

O reencontro serve para desenterrar memórias sobre a juventude de Donna (Lily James), no final dos anos 70, quando ela resolve se estabelecer na Grécia.

O Cinépolis do Manaíra Shopping (salas comum e VIP), o Centerplex do Mag Shopping e o Cinesercla de Campina Grande têm sessões dubladas e legendadas do filme. O Cinépolis do Mangabeira Shopping e o Cinesercla do Shopping Tambiá só têm cópia dublada.

Anavitória no filme'Ana e Vitória' (Foto: Divulgação)

Anavitória no filme ‘Ana e Vitória’ (Foto: Divulgação)

Outra comédia musical, dessa vez brasileira, entra em cartaz no Cinépolis do Manaíra Shopping. “Ana e Vitória” conta a história das duas integrantes do duo Anavitória, interpretadas por elas mesmas. As duas já haviam estudado juntas, mas apenas se aproximam de fato em uma festa realizada no Rio de Janeiro, muito longe de sua cidade natal, a pequena Araguaína, no Tocantins.

Após se apresentar na festa, Ana fica impressionada com a informal cantoria de Vitória, em uma rodinha de violão. Logo surge a ideia de gravarem algo juntos, que rapidamente explode na internet e chama a atenção do produtor Felipe Simas (Bruce Gomlevsky). A fama repentina as traz de volta ao Rio de Janeiro, para um show transmitido pela internet e a produção de seu primeiro CD.

O drama brasileiro “O Nome da Morte” também estreia no Cinépolis do Manaíra Shopping. No filme, Júlio Santana (Marco Pigossi) é um pai de família, um homem caridoso, um exemplo para sua família e um orgulho para os seus pais.

Também entra em cartaz no Centerplex do Mag Shopping a comédia dramática “O Orgulho”. As sessões são legendadas. No longa, Neïla Salah (Camélia Jordana), moradora do subúrbio de Paris, quer ser advogada e, desde o primeiro dia de aula na universidade, entra em confronto com Pierre Mazard (Daniel Auteuil), veterano professor conhecido por seus ataques de explosão, preconceitos e arrogância.

Filmado pelos alunos fazendo comentários extremamente grosseiros e racistas, ele é desafiado a preparar Neïla para vencer um concurso acadêmico de retórica em troca de uma segunda chance de seus superiores. As diferenças são muitas, assim como é enorme a quantidade de ensinamentos que um pode oferecer ao outro – caso consigam se entender.

O Centerplex do Mag Shopping também exibe, com uma sessão no sábado (4), às 21h45, a cinebiografia “Egon Chiele – Morte e a donzela”, com cópia legendada.

Egon Schiele foi um dos artistas mais provocativos de Viena no início do século XX. O jovem talentoso e sedutor conduziu sua vida e obra de acordo com as mulheres que o cercavam: Gerti, sua irmã mais nova e primeira musa, e Wally, paixão de sua vida, imortalizada na famosa pintura “Morte e a Donzela”. Causador de escândalos sociais, ele atraiu a atenção de artistas ousados como Gustav Klimt.

Cinema de Arte

O drama “Anna Karenina – A História de Vronsky” é exibido no projeto Cinema de Arte, do Cinépolis do Manaíra Shopping, com cópia legendada. As sessões são às 14h nos fins de semana e às 19h30 de segunda a sexta-feira.

Durante a guerra russo-japonesa, em 1904, Sergey Karenin (Kirill Grebenshchikov), chefe de hospital, descobre que um dos oficiais feridos sob sua supervisão é o conde Vronsky (Max Matveev), a pessoa que arruinou sua mãe, Anna Karenina (Elizaveta Boyarskaya). Agora, ele procura maiores informações sobre o amante da mãe e que razão a levou a desistir da vida.