- Publicidade -
Cultura

Mais um: sambista denuncia calote e até “sumiço” de contratos da Funjope

O sambista Potyzinho Lucena usou as redes sociais nesta quinta-feira (20) para denunciar a Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) por calote, demora no pagamento de cachê e favorecimento de uma certa empresa na contratação de artistas, conforme denunciou a vereadora Sandra Marrocos na última terça.

- Continua depois da publicidade -

Potyzinho ressalta que fez uma apresentação no dia 21 de maio e até o mês de setembro não havia recebido o cachê. De tanto pressionar a empresa responsável pela contratação, acabou recebendo uma parte do cachê sob a alegação da produtora que estava tirando do próprio bolso. Mas, ele descobriu através do Portal da Transparência que o pagamento foi efetuado em 21 de julho.

O sambista também destaca que vários outros grupos musicais de João Pessoa e de outros Estados têm sido lesados pela Funjope e que os contratos das apresentações simplesmente sumiram da Fundação. “Queremos esclarecimento sobre o que está acontecendo”, garantiu.

A reportagem entrou em contato com a assessoria da Funjope, que afirmou que até o momento não tinha conhecimento do problema.

Veja abaixo a postagem na íntegra.

 

cats

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar