Legado e história de Ariano Suassuna são temas de exposição em João Pessoa

Exposição, que reúne cerca de 200 itens cedidos pela família Suassuna, é promovida pela Marcos Inácio Advogados

Foto: Divulgação

João Pessoa vai receber, a partir do dia 3 de fevereiro, a Exposição Ariano Suassuna, em homenagem à história e ao legado do escritor e dramaturgo paraibano, cuja morte completa 10 anos em 2024. A exposição, que reúne cerca de 200 itens cedidos pela família Suassuna, é promovida pela Marcos Inácio Advogados.

Expostas na casa que pertenceu à família Ribeiro Coutinho e onde hoje funciona o segmento empresarial da Marcos Inácio, na Avenida Epitácio Pessoa, as obras poderão ser vistas durante todo o ano de 2024.

Entre os itens da exposição, cedidos pela família de Ariano Suassuna, estão a máquina na qual o dramaturgo escreveu o Auto da Compadecida, alguns materiais da família e objetos pessoais de Ariano Suassuna.

“Quando se encantou, em 2014, Ariano contava 87 anos. Uma vida dedicada à sede da alma e da honra de uma nação, à nossa cultura. A criação do Museu Ariano Suassuna se dá, exatamente, como uma forma de atestar essa imortalidade por meio da arte. Um caminho para que as mais variadas cidades e pessoas possam ter acesso a toda pluralidade do ‘Universo Suassuniano’, a esse que dedicou sua vida a reverenciar a cultura e o povo brasileiros”, declarou João Suassuna, neto de Ariano e curador da exposição.

A Exposição Ariano Suassuna será aberta ao público todo primeiro sábado do mês, das 14h às 18h. A entrada é gratuita, mas é necessário fazer uma inscrição online para garantir o acesso, tendo em vista que as visitas por dia são limitadas. Para este sábado, os ingressos estarão liberados a partir da sexta-feira (2).

Quem for até o local conhecer a exposição, também poderá saber um pouco mais sobre a casa onde hoje funciona o segmento empresarial da Marcos Inácio Advogados, mas que pertenceu à família Ribeiro Coutinho.

Para o diretor de expansão da Marcos Inácio Advogados, Higor Lira, o momento é de reafirmação do compromisso com a cultura. “A arte que sempre esteve espalhada pelas paredes de todos os nossos escritórios, passou a ser algo oficial desde a virada da marca, quando se assumiu, de fato, o ‘estado da arte’. Com muita alegria anunciamos a inauguração da nossa exposição, reafirmando o nosso compromisso com o fomento da arte e cultura”, declara.