- Publicidade -
Política

Julian nega ter traído Bolsonaro e diz que irá trabalhar para conciliação PSL/presidente

Parlamentar disse que encontrou presidente duas vezes nos últimos 15 dias e foi tratado como "amigo"

O deputado federal Julian Lemos (PSL) rechaçou fazer parte de “lista negra” do presidente Jair Bolsonaro, conforme noticiado pelo O Globo e O Antagonista.

- Continua depois da publicidade -

“Para você ser traidor, você tem que ter tido um fato, uma conduta de traidor. Esta carapuça não me serve”, afirmou.

Julian garantiu que se encontrou com Bolsonaro duas vezes nos último quinze dias e que foi tratado como “amigo”.

“A recepção que tive foi a melhor possível. Nos tratamos como amigos. Se o presidente Jair Bolsonaro tivesse alguma queixa comigo, com certeza ele falaria comigo”, ponderou.

Após rebater o que tachou de “fake news”, o deputado disse, ainda, que irá trabalhar uma reconciliação entre Bolsonaro e PSL.

Confira o vídeo:

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar