Jornalista Lena Guimarães morre aos 62 anos, em João Pessoa

A jornalista e colunista de política, Lena Guimarães faleceu nesta segunda-feira (18) em João Pessoa. Ela estava internada em um hospital particular e  foi vítima de falência múltipla de órgãos, em decorrência de um câncer no pâncreas. Lena deixa um filho, Daniel Guimarães.

Atualmente, Lena Guimarães atuava na Rede Correio de Comunicação. Ela mantinha uma coluna sobre política no Jornal Correio da Paraíba e atuava como comentarista na TV Correio.

Ela ainda ocupou vários cargos no jornalismo paraibano. Foi repórter, redatora e chefe de reportagem do Jornal A União, além de editora dos cadernos de Cultura, Cidades, Economia e Política no CORREIO da Paraíba. Ela também ocupou o cargo de diretora de jornalismo do Sistema Correio de Comunicação e de secretária de Comunicação do Estado, no governo José Maranhão (2009-2010). A jornalista foi ainda editora-geral do jornal O Momento e repórter regional da Folha de S. Paulo e do Jornal do Brasil.

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) concedeu, em maio deste ano, a Medalha de Mérito Jornalístico a Lena Guimarães. A homenagem foi aprovada por unanimidade entre os parlamentares.

Até o momento não há informações sobre velório e sepultamento.

Com informações do Portal Correio.

Comente