- Publicidade -
Entretenimento

Jornalista da Globo que se demitiu ao vivo processa ex-chefe por assédio

Em fevereiro deste ano, uma notícia tomou conta mídia esportiva nacional. O jornalista Kaio Cézar pediu demissão ao vivo do Sistema Verdes Mares, após apresentar o programa Globo Esporte, do Ceará. Desde então, o profissional reuniu advogados e processou o diretor da emissora, Paulo César Norões, por assédio moral. A informação é do site Notícias da TV.

- Continua depois da publicidade -

De acordo com a publicação, os advogados de Kaio Cézar “vão entrar com processo” na semana que vem.

“Eu estava em uma afiliada da Globo, estava em um local que, para muitos, era o topo da minha função de narrador esportivo aqui no Estado. Mas sabe quando você chega em um local e se decepciona? Não me arrependo. O cara (Paulo César Norões) me perseguia)”, declarou Kaio Cézar.

“Tenho ainda mais certeza de que fiz a coisa certa, não me arrependo. É claro que, tendo uma família para sustentar, não vou dizer que eu queria perder o emprego e ficar desempregado, ninguém fala isso”, acrescenta o comunicador.

“Mas as circunstâncias me levaram a fazer isso. Eu estava numa situação tão dura que eu cheguei a quase cometer suicídio”, lembra Kaio Cézar.

Segundo o Notícias da TV, Kaio Cézar também vai processar o Sistema Verdes Mares. Ele alega acúmulo de função. “Eu fazia tudo lá, editava, era repórter, era produtor, era tudo”, enfatiza.

Torcedores.com

Comente

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar