João volta a negar rompimento com Ricardo e insinua que esse é objetivo da oposição

cartão alimentação

“As pessoas começam a ver coisas absurdas”. A afirmação é do governador João Azevêdo (PSB), que voltou a negar, nesta sexta-feira (31), um possível rompimento político com o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB). Novas especulações começaram a circular após os dois assistirem em filas diferentes a final da Copa do Nordeste, no Almeidão, na última quarta-feira (30).

“O governador Ricardo Coutinho chegou com toda a família, sentou em uma fila e eu sentei exatamente atrás, também com a minha família, com meu filho, meu neto, com meu genro. Ora, é óbvio que nós não sentaríamos juntos. Nós estávamos cada um com suas famílias, participando do jogo. Não era uma solenidade oficial, era um jogo de futebol, mas as pessoas gostam de analisar tudo”, explicou o governador.

De acordo com o gestor, alguns – sem citar grupos políticos ou nomes – tem interesse neste rompimento. “Essa questão de rompimento talvez interesse até a alguns e eu sei disso. Mas não é o que acontece na prática”, garantiu.

João assegurou que tem boa relação com Ricardo, e que vai continuar tendo. Na oportunidade, também teceu diversos elogios ao ex-governador.

“Nós sabemos a importância de Ricardo dentro desse projeto, nós sabemos o tamanho de Ricardo em termos administrativo dentro desse projeto. Eu sou, e entendo assim, um projeto de continuidade. Eu fui eleito pela população para dar continuidade a esse projeto e é isso que eu estou fazendo”, disse João.

Comente