João sanciona lei que institui PCCR dos agentes penitenciários na Paraíba

A edição desta quarta-feira (19) do Diário Oficial traz a publicação da Lei nº 11.359, que institui o Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) do Grupo Ocupacional de Apoio Judiciário (GAJ–1700) da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária do Estado da Paraíba.

Cinco classes de progressão, da legra A até a E, foram estabelecidas. O projeto de lei enviado pelo Poder Executivo prevê que a progressão salarial da categoria possa chegar a até R$ 3.113,83.

O governador João Azevêdo (PSB) encaminhou à Assembleia Legislativa Legislativa da Paraíba a proposta que era uma reivindicação histórica da categoria. O projeto foi aprovado pelos deputados e publicado na edição desta quarta do Diário Oficial do Estado.

O PCCR absorverá os servidores efetivos do cargo de agente de segurança penitenciária do Grupo Ocupacional de Apoio Judiciário, criado pela Lei nº 4.268, de 28 de julho de 1981, e reestruturado nos termos do Decreto nº 11.569, de 10 de setembro de 1986.

Clique aqui e acesse a edição desta quarta-feira do Diário Oficial do Estado.

Comente