Idosa morre com suspeita de coronavírus no RJ; empregada teve contato com patroa vinda da Itália

(Foto: Dado Ruvic/Reuters/Arquivo)

Uma idosa de 63 anos morreu na tarde desta terça-feira (17) com suspeita do novo coronavírus em Miguel Pereira, no Sul do Rio de Janeiro. As informações são da Secretaria Municipal de Saúde.

Segundo a secretaria, a paciente era empregada doméstica, trabalhava no Rio de Janeiro e esteve em contato direto com a patroa dela, que chegou da Itália e testou positivo para Covid-19.

A idosa foi direto do trabalho para o Hospital Municipal Luiz Gonzaga na segunda-feira (16), onde já deu entrada em estado grave.

De acordo com a prefeitura, o laudo onde será constatada a causa da morte sairá em 24 horas.

Procurada pelo G1, a Secretaria Estadual de Saúde informou que “Embora a Prefeitura de Miguel Pereira tenha divulgado morte de mulher com sintomas compatíveis aos relatadas para Covid-19, a Secretaria de Estado de Saúde esclarece que o material da paciente acaba de chegar ao Laboratório Central Noel Nutels (Lacen-RJ), única unidade estadual capaz de realizar o teste para confirmar ou descartar o vírus”. Informações do G1.

Comente