Hospital Metropolitano serve de modelo de gestão para o Rio Grande do Norte

Equipe realizou uma visita técnica com o objetivo de conhecer a estrutura e o fluxo de atendimento da unidade hospitalar

O Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires recebeu, nesta quinta-feira (18), a visita técnica de uma comitiva de representantes da Secretaria de Estado da Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap-RN), com o objetivo de conhecer a estrutura e o fluxo de atendimento da unidade hospitalar, que integra a rede estadual de saúde e é gerenciada pela Fundação Paraibana de Gestão em Saúde (PB Saúde), sendo referência em cardiologia, neurologia e procedimentos endovasculares.

De acordo com o líder de medicina hospitalar do Hospital Metropolitano, Vernior Júnior, que acompanhou a comitiva, o foco principal da visita foi nos setores de urgência e emergência, além do Centro de Diagnóstico por Imagem e do ambulatório.

“Passamos pela Urgência Cardiológica e pela Urgência Neurológica, onde as visitantes puderam entender como é o fluxo dos pacientes que chegam até nossa unidade pela regulação estadual, e também os que são atendidos a partir do nosso ambulatório. Com isso, foi possível mostrar a complexidade do acesso, e indicar que é viável que o SUS consiga chegar a um nível de atendimento de alta complexidade e com ótimos resultados”, disse.

A equipe visitante foi composta pela coordenadora geral da Rede de Urgência e Emergência (RUE) do Rio Grande do Norte, Renata Silva; pela subcoordenadora de Regulação do Acesso, Letícia Duarte; pela representante da Central de Acesso às Portas Hospitalares, Ana Paula Leiros; e pela representante da área técnica da RUE, Mariana Araújo; que foram acompanhadas por Vernior Júnior, pela gerente operacional da Rede de Urgência e Emergência da Paraíba, Priscilla Farias, e por representantes do corpo técnico do Hospital Metropolitano.

Letícia Duarte avaliou que a visita foi produtiva, e deve ajudar na construção do plano de funcionamento do Hospital Metropolitano do Rio Grande do Norte, em construção na cidade de Parnamirim. “Além de conhecer toda a estrutura física e de equipamentos que esta unidade dispõe, também conhecemos os fluxos institucionais, que vão servir de exemplo para o nosso hospital”, disse a subcoordenadora de Regulação do Acesso da Sesap-RN.

Para a diretora geral do Hospital Metropolitano, Louise Nathalie, as visitas de representantes das secretarias de saúde de outros estados só reforça a expertise e o compromisso que o hospital tem com a excelência no atendimento em saúde aos pacientes. “Saber que estamos servindo de inspiração e exemplo para a construção de novas unidades em outros estados é uma prova tangível de que estamos no caminho certo”. completou.