- Publicidade -
Cotidiano

Homem que pretendia cometer homicídio é preso após assaltar salão em JP

A prisão de um homem de 32 anos, realizada pela equipe do comandante do Batalhão de Polícia Ambiental, na tarde desta terça-feira (26), evitou um homicídio que o acusado pretendia cometer no mesmo dia e deu resposta a um assalto que ele tinha acabado de realizar a um salão de beleza, na Torre, em João Pessoa. A prisão foi realizada após perseguição, que só terminou no bairro de Jaguaribe.

- Continua depois da publicidade -

Com o acusado, que já têm passagens pela polícia por roubo, porte ilegal de arma e corrupção de menores, a PM recuperou celulares de clientes do salão, dinheiro e uma bolsa da proprietária, bem como apreendeu um revólver calibre 38 – arma que seria usada no homicídio.

“Ele revelou que passou a tarde procurando um desafeto dele para matar, nas imediações do mercado da Torre, como não encontrou, resolveu fazer o assalto, estava fugindo, mas pretendia voltar depois para praticar o homicídio, o que foi evitado prontamente com a prisão dele, dando resposta também ao roubo que ele cometeu”, detalhou o comandante do Batalhão de Polícia Ambiental, tenente-coronel Jobson.

O acusado foi apresentado na Central de Polícia, no Geisel, que deve investigar a participação do preso em outros crimes ocorridos na Capital.

Comente

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar