Governo qualifica duas novas OS para gestão hospitalar no estado

O Governo da Paraíba qualificou duas novas Organizações Sociais para atuar na gestão pactuada, por intermédio da Secretaria de Saúde, em unidades hospitalares no estado. Os decretos foram publicados na edição do Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (20).

Conforme a publicação, a partir de agora estão habilitados o Instituto Acqua – Ação, Cidadania, Qualidade Urbana e Ambiental e a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Birigui.

O processo de requalificação das Organizações Sociais foi reaberto após o governador João Azevêdo determinar a intervenção administrativa e, consequentemente, término do contrato com a Cruz Vermelha e Instituto de Psicologia Clínica Educacional e Profissional (IPCEP), envolvidas em investigação sobre supostos desvios de verbas.

As antigas OSs eram responsáveis pela gestão do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa; do Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, em Santa Rita; e do Hospital Geral e Mamanguape.

De acordo com o governador João Azevêdo (PSB), o objetivo da pactuação é a agilidade e flexibilidade na gestão. Ao todo, na Paraíba, 10 unidades de saúde, de diferentes perfis e regiões, são geridas por OS.

Comente