Publicidade
Política

Galdino rechaça discriminação de Bolsonaro ao Nordeste: “é um desserviço às relações federativas”

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, deputado estadual Adriano Galdino (PSB), utilizou suas redes sociais para rechaçar a fala do presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), na manhã de ontem durante café da manhã com jornalistas em que se referiu de forma pejorativa a região Nordeste. Para o presidente do legislativo estadual da Paraíba, qualquer declaração que venha discriminar o Nordeste, deve ser rechaçada, principalmente vindo do presidente da República.

- Continua depois da publicidade -

Bolsonaro conversava com o ministro chefe da Casa Civil, Onyx Lonrenzony, e sem perceber que o microfone estava ligado chamou os governadores do Nordeste, de governadores “de Paraíba”. “Destes governadores de Paraíba, o pior é o do Maranhão”, disse o presidente para depois emendar: “tem que ter nada com esse cara”.

Para o presidente da ALPB, a declaração pode ser vista como um desserviço às relações federativas.

“Qualquer declaração que venha a discriminar a região Nordeste ou qualquer outra região, merece ser rechaçada, principalmente vindo do presidente da República. É um desserviço às relações federativas”, postou Adriano Galdino em suas redes sociais.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar