Futebol: Campinense e Botaofgo-PB estreiam nesta quarta-feira na Copa do Brasil

A Copa do Brasil começa nesta quarta-feira (13) para Campinense e Botafogo-PB. No Amigão, em Campina Grande, às 20h30 (horário local), a Raposa encara o Botafogo-RJ, em duelo válido pela primeira fase do mata-mata mais empolgante do país.

Enquanto a Raposa, campeã do Nordeste em 2013, retorna ao torneio nacional após dois anos, o Glorioso carioca quer estabilidade no início da temporada e não se esquece do trauma de 2018 em Aparecida de Goiânia. Mandante do jogo, o Campinense precisa da vitória, enquanto que o Botafogo-RJ carioca joga pelo empate para se classificar.

O Campinense vive um ano de reconstrução após não conseguir o acesso à Série C do Brasileirão no ano passado. Por isso, a Raposa apostou no retorno do experiente técnico Francisco Diá para fazer o novo elenco encaixar e bater de frente com o Botafogo-PB, atual bicampeão estadual, no Campeonato Paraibano. Mas na Copa do Brasil, quis o destino que o adversário fosse o xará carioca.

Na competição nacional, o Campinense jamais teve algum momento de protagonismo. Afinal, na melhor campanha de sua história, o clube paraibano foi eliminado pelo Flamengo, em 2013, pela segunda fase. Por isso, derrotar o Botafogo-RJ seria um marco para a Raposa, mesmo com toda a tradição no futebol nordestino e paraibano.

Belo encara o Operário-MS

No Estádio Morenão, em Campo Grande, o Operário-MS recebr o Botafogo-PB. A partida está marcada para as 20h30 (horário local) num confronto que vai reunir dois campeões estaduais. Mandante da partida, o Galo precisa da vitória, enquanto o Belo joga pelo empate para se classificar.

O Operário-MS é o atual campeão sul-mato-grossense. Mas, nesta temporada, ainda não dá para dizer que o time comandado por Arílson engrenou. Afinal, é apenas o quarto colocado do estadual, que tem 12 equipes na temporada 2019. No elenco do Galo, o zagueiro André Paulino teve uma passagem recente pelo adversário desta quarta-feira, o Botafogo-PB. Foi na temporada 2016.

No Belo, como é para muitos clubes do país, a classificação é de suma importância para o equilíbrio das contas. Com a Copa do Brasil cada vez pagando melhor, avançar de fase garante bons trocados. E o time chega embalado para o confronto com o Operário-MS, pois está invicto no ano e já acumula vitórias importantes, como contra o Fortaleza pela Copa do Nordeste e também sobre o Campinense no Clássico Emoção, pelo Campeonato Paraibano.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected]