Funcionários e turmas ‘fantasmas’ em escola de Bayeux fazem MP abrir inquérito

O Ministério Público da Paraíba (MPPB), através da Promotoria de Justiça de Bayeux, abriu inquérito para apurar denúncias de diversas irregularidades Escola Municipal Jaide Rodrigues.

De acordo com a promotora Maria Edligía Chaves Leite, que conduzirá o inquérito, há indícios de funcionários fantasmas, turmas fantasmas do EJA, contratação de pessoal sem necessidade, profissionais com o mesmo cargo recebendo salários diferentes, além de outros problemas na infraestrutura do centro de ensino.

Outra denúncia anônima deu conta que, em janeiro de 2019, a prefeitura do município devolveu o prédio onde funcionava o anexo da escola Moacir Dantas, entretanto, ainda haveria empenho referente ao pagamento do aluguel de meses subsequentes.

Confira:

Comente