Folha revela contato de auxiliar da Prefeitura de Campina com delator de irmãos Vital

O Procurador Geral do Município de Campina Grande, José Fernandes Mariz, confessou que esteve com o ex-tesoureiro da Prefeitura Rennan Farias, segundo reportagem publicada pelo Jornal Folha de São Paulo, nesta segunda-feira (27).

“O procurador contou que já esteve com Rennan Farias que ouviu detalhes sobre desvios de recursos na prefeitura nas duas gestões de Veneziano Rego, entre 2006 e 2012, quando Farias foi tesoureiro do município”, disse o jornalista Rubens Valente, enviado especial da Folha a Campina Grande, para produzir a matéria.

Mariz, disse ainda à Folha que a conclusão do trabalho da Controladoria já foi enviada ao Ministério Público Federal e deverá seguir também para o Ministério Público Estadual.”Nós constatamos no âmbito da prefeitura algumas irregularidades, pelo menos em tese”, disse Mariz.

Entenda o Caso:

Rennam tem feito denúncias contra o ex-prefeito veneziano Vital e o ex-senador Vital do Rêgo.

Por meio de nota enviada à Folha, Vital do Rêgo negou ter recebido recursos de Rennan Farias. Disse que Farias é “conhecido pela prática de atos reprováveis”, que tenta “manchar” sua imagem e que o interpelou em 2013 para que confirmasse afirmações em um vídeo que circulou na internet, mas Farias não se manifestou.

Farias disse que foi orientado por seu advogado a não falar na época, mas nunca recuou das declarações.
Veneziano Rêgo disse que as acusações de Farias são “delinquências verbais

Comente