Fla domina Seleção do Brasileirão, mas paraibano ‘fura’ bloqueio e descola vaga

Fla domina Seleção do Brasileirão, mas paraibano ‘fura’ bloqueio e descola vaga
Paraibano Santos foi uma das novidades do técnico Tite nas convocações da Seleção Brasileira neste ano - Foto: Arquivo

Campeão, recordista de pontuação (90) e agora dono das melhores marcas dos pontos corridos, o Flamengo será também o grande protagonista da festa oficial de encerramento do Campeonato Brasileiro 2019, nesta segunda-feira (9), no Armazém 2 do Píer Mauá, na Zona Portuária do Rio de Janeiro. No evento organizado pela CBF, o time carioca dominará as premiações individuais da CBF e a Seleção do Brasileirão – serão nove nomes do rubro-negro da Gávea na lista. O Athletico Paranaense terá os outros dois escolhidos, entre os quais o goleiro paraibano Santos

De acordo com o site Uol, o “time ideal” – eleito por jornalistas, capitães dos clubes e treinadores da competição – terá Santos; Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí e Filipe Luis; Bruno Guimarães, Gerson e Everton Ribeiro; Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol.

Bruno Henrique receberá ainda o prêmio de craque do Brasileirão. Jorge Jesus venceu como melhor técnico. Michael, do Goiás, ficará com o troféu de revelação após superar o vascaíno Talles Magno em votação apertada. Arrascaeta levará pra casa a homenagem pelo gol mais bonito – marcado de bicicleta contra o Ceará, na Arena Castelão.

Representante do Flamengo na categoria “Craque da Galera”, Everton Ribeiro desponta como grande favorito em votação realizada na internet.

Da Paraíba para o mundo

Campeão da Copa do Brasil, o paraibano Santos foi uma das novidades do técnico Tite nas convocações da Seleção Brasileira neste ano. Titular absoluto do Athletico Paranaense desde o ano passado, o govleiro tem 29 anos e foi um dos protagonistas da conquista do título da Copa do Brasil, mostrando segurança e sendo decisivo nas disputas de pênaltis contra Flamengo e Grêmio.

Aderbar Melo dos Santos Neto carrega no nome uma homenagem ao avô, que era agricultor em Cabaceiras, no interior da Paraíba, a 180km de João Pessoa. O goleiro do Athletico-PR é o pilar da família, que mora na cidade conhecida como a Roliúde Nordestina – em referência aos mais de 25 filmes gravados na região. De uma infância pobre, o camisa 1 se tornou hoje um

Santos é o filho mais novo dos oito de Seu Severino e Dona Amara. O pai dele era agricultor e trabalhava na roça preparando a terra para a plantação, além de ser também pescador – Santos muitas vezes o ajudou nessa atividade -, enquanto a mãe costurava roupas na luta pelo sustento da família.

Comente