Publicidade
CotidianoJá TV

Filho do gerente de posto assassinado em JP confessa participação no crime

O delegado Wagner Dorta, da Polícia Civil da Paraíba, revelou, neste sábado (2), que Herick Ramon, de 25 anos, confessou sua participação no crime que acabou tirando a vida de seu próprio pai, Severino Maciel Ramos.

“Ele confessou na presença do advogado que deu as coordenadas aos suspeitos”, disse o delegado, que está à frente das investigações.

Herick Ramon foi preso na noite dessa sexta-feira (1º), no Jardim Treze de Maio, no momento em que chegou para participar da missa de sétimo dia da morte do pai. De acordo com o delegado, há indícios que apontam Herick como mentor intelectual do crime praticado por Eri Johson e Anderson Soares, já presos.

“Herick alegou que tinha uma dívida de R$ 1 mil e que estaria sendo pressionado. Ele é amigo dos suspeitos e participou de todo o planejamento da ação”, disse o delegado Wagner Dorta, acrescentando que os assaltantes já presos delataram o filho do gerente.

Veja abaixo vídeo da saída de Herick da Central de Polícia

Outras prisões

Herick Ramon já foi preso em 2017 com três ‘pinos’ de cocaína. No entanto, foi solto em seguida. De acordo com Wagner Dorta, a polícia também investiga se o rapaz estaria envolvido em um assalto a uma farmárcia, também em 2017.

O suspeito é filho do primeiro casamento de Severino Maciel. Herick foi direcionado para a carceragem da Central de Polícia e, neste sábado (2), deve ser apresentado em audiência de custódia.

Relembre o caso

Severino Maciel Ramos, 50 anos, foi morto na tarde do sábado (26) durante uma tentativa de assalto ao posto de combustíveis em que trabalhava, localizado na Avenida Edson Ramalho, no bairro Manaíra, em João Pessoa.

De acordo com a Polícia Militar, o gerente reagiu à abordagem de dois assaltantes armados, tendo um deles o atingido com um tiro no peito.

Severino Maciel não resistiu ao ferimento e morreu a caminho do hospital. O enterro ocorreu na tarde do domingo (27).

Um dos assaltantes, Eri Johson, foi detido e espancado pela população ainda no local do crime. Já Anderson Morais foi preso quinta-feira (31), no bairro Colinas do Sul, em João Pessoa.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
E-mail: [email protected] | WhatsApp: (83) 98176 - 1651

Mostrar mais

Redação Paraíba Já

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar