Família de bebê com AME faz campanha para arrecadar R$ 12 milhões para tratamento

Vakinha online de arrecadação foi feita pelos pais do pequeno Heitor, o casal sousense Hugo Moreira e Carlla Mello

O bebê de quadro meses, Heitor Moreira Melo, nascido na cidade de Sousa, sertão paraibano, foi diagnosticado com uma doença degenerativa chamada como AME (Atrofia Muscular Espinhal). Para realizar o tratamento, orçado em R$ 12 milhões, a família de Heitor está mobilizando uma campanha para arrecadar fundos.

A vakinha online de arrecadação foi feita pelos pais do pequeno Heitor, o casal sousense, Hugo Moreira e Carlla Mello. Até o momento, já foram arrecadados R$ 65 mil. As doações podem ser feitas por meio do contato com os pais da criança pelos números (83) 991070349 e (83) 99663760.

A AME é uma doença que interfere na capacidade do corpo em produzir proteínas essenciais como as dos neurônios motores responsáveis pelos gestos vitais da respiração, movimentação e alimentação.

No caso do bebê Heitor Melo, o diagnóstico da AME foi oficializado após a internação de 21 dias na Unidade de Terapia Internsiva (UTI), exigida pelo nascimento prematuro.

Comente