Espetáculo teatral “Trupizupe: O Maior Quengo do Nordeste” se apresenta em três cidades da PB

Circulação, foi contemplada pela Lei Paulo Gustavo executada pela SECULT-PB

Uma experiência teatral inesquecível está prestes a desembarcar em três cidades da Paraíba, trazendo consigo uma mistura envolvente de humor, cultura nordestina e arte. O aclamado espetáculo “Trupizupe: O Maior Quengo do Nordeste” está prestes a cativar os corações do público em uma série de apresentações marcantes.

A circulação, foi contemplada pela Lei Paulo Gustavo executada pela SECULT-PB, promete encantar plateias com sua energia vibrante e sua narrativa envolvente. Criada com maestria pelo talentoso elenco e equipe de produção, “Trupizupe” é uma celebração da riqueza cultural do Nordeste brasileiro, repleta de música, dança e diálogos envolventes.

Com texto do escritor e dramaturgo campinense, Bráulio Tavares. O espetáculo traz como enredo as aventuras e vivacidade do personagem central Trupizupe, um esperto viajante que, ao chegar em um reino, se depara com um vice-rei corrupto, perde seu ganzá, é preso e, para se livrar da prisão, trama seu casamento com a princesa. Em meio às investidas para recuperar seu instrumento (o ganzá), Trupizupe vai costurando uma estória repleta de surpresas.

As datas e locais das apresentações são os seguintes:

23/04: EEEF Machado de Assis, Santa Rita
30/04: ECIT Antônio Gomes, Bayeux
07/05: Praça Nossa Senhora da Conceição, Pedras de Fogo

Todas as apresentações serão sempre às 19h:30, de forma gratuita e contarão com interpretação em Libras, garantindo que todos os espectadores possam desfrutar plenamente da experiência. Não perca a oportunidade de se deixar envolver pela magia de “Trupizupe” e vivenciar momentos de risos, emoção e reflexão.

Ficha Técnica:

Texto: Bráulio Tavares
Direção Geral: Edilson Alves

Elenco:
Aluisio Souza: Pancrácio e Arauto
Jamil Richene: Vice-Rei e Pretendentes
Jô Carvalho: Carcereiro e Princesa
Miguel Reberth: Rei
Robert Sodré: Trupizupe
Direção Musical: Aldo Marques
Músicas: Aldo Marques
Direção/Concepção Coreográfica: Ademilton Barros
Figurino, Cenário e Adereços: Nelson Alexandre
Confecção de Figurino: M3 Ateliê
Confecção de Cenário: Ana Paula
Confecção da Carroça: Maciel Fidelis
Maquiagem: Romilson Rodrigues
Design Gráfico: Max Ryan
Fotos: Delmer Oliveira
Realização: Cia de Teatro Soluar