Enem 2023: 3,9 milhões fazem prova neste domingo; veja as informações

provas-do-enem-foto-shutterstock

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é aplicado em todo o país neste domingo (5/11). De acordo com o Ministério da Educação (MEC)e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), são 3,9 milhões de candidatos inscritos para fazer a prova.

Neste domingo, serão aplicadas duas provas, com 45 questões objetivas cada, além da redação. As provas são de linguagens, códigos e suas tecnologias; e ciências humanas e suas tecnologias. Dentro da prova de linguagens, o participante deverá responder questões língua estrangeira: inglês ou espanhol.

Os participantes terão até cinco horas e trinta minutos para resolver as questões. Os portões dos locais de prova abrem às 12h e fecham às 13h. As provas começam às 13h30 e se encerram às 19h, no horário de Brasília.

As provas de ciências da natureza e suas tecnologias e matemática e suas tecnologias serão aplicadas no próximo domingo, 12 de novembro. A divulgação do gabarito do Enem está  prevista para 24 de novembro, com resultados oficiais em 16 de janeiro de 2024.

De acordo com o Inep, 61% dos inscritos para o Enem são mulheres (2.411.061 pessoas) e 39% homens (1.522.931 do total). A maior parte dos candidatos já concluiu o ensino médio (48,17%). Logo atrás, vem os que estão cursando o terceiro ano em 2023 (35,61%) e os que estão cursando o ensino médio, mas não concluem em 2023 (15,76%). Há ainda um pequeno grupo que não está nem cursando o ensino médio, nem o concluiu (0,46%).

O que levar

Para entrar na sala, o candidato deve apresentar a via original de um documento de identificação com foto. Também serão aceitos documentos digitais, como e-Título, CNH digital e RG digital. Eles devem ser apresentados no aplicativo oficial; não serão aceitas capturas de tela.

Serão aceitos os seguintes documentos de identificação:

  • Cédulas de Identidade expedidas por Secretarias de Segurança Pública, Forças Armadas, Polícia Militar e Polícia Federal;
  • Identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros, inclusive aqueles reconhecidos como refugiados, em consonância com a Lei nº 9.474, de 22 de julho de 1997;
  • Carteira de Registro Nacional Migratório, de que trata a Lei nº 13.445, de 24 de maio de 2017;
  • Documento Provisório de Registro Nacional Migratório, de que trata o Decreto nº 9.277, de 5 de fevereiro de 2018;
  • Identificação fornecida por ordens ou conselhos de classe que por lei tenha validade como documento de identidade;
  • Passaporte;
  • Carteira Nacional de Habilitação, na forma da Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997;
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social emitida após 27 de janeiro de 1997.

Em caso de perda ou furto dos documentos, o candidato pode apresentar o boletim de ocorrência feito até 90 dias antes do primeiro dia de prova.

Na Página do Participante, no site do Inep, é possível emitir o Cartão de Confirmação de Inscrição. Ele inclui informações como o local de prova, horário de abertura e fechamento dos portões, escolha da língua estrangeira e atendimento especializado, caso tenha sido solicitado pelo participante. A apresentação dele não é obrigatória, mas o Inep recomenda que o cartão seja levado nos dias de prova.

O que é obrigatório é levar canetas esferográficas de tinta preta, fabricadas em material transparente. Cartões de resposta preenchidos de outra forma serão desclassificados. Garrafas térmicas com termômetro de temperatura de LED são proibidas pela organização do Enem e podem acarretar em desclassificação.

É permitido ainda levar alimentos para consumir durante a prova. Garrafas de água são autorizadas, desde que sejam transparentes e sem rótulos. Os candidatos não podem portar relógios, qualquer tipo de equipamento eletrônico, anotações ou livros, artigos de chapelaria como óculos ou chapéu, protetor auricular ou fone de ouvido, canetas de material não transparente, lapiseiras, lápis, borracha, régua ou corretivo.

Celulares e outros aparelhos eletrônicos são lacrados em envelope porta-objetos, que deve ser mantido abaixo da carteira utilizada pelo candidato.

Do Metrópoles