Empresário arremata TV Manchete em leilão e cria mistério sobre volta ao ar

O mercado foi pego de surpresa com o leilão da massa falida da TV Manchete, dias atrás. Surpresa porque, até então, era um assunto superado para muitos. Menos, claro, para os credores.

O responsável pelo lance vencedor arrematou as fitas de vídeo analógicas de centenas de programas e, além disso, pegou para si o direito de uso do nome TV Manchete. Valor: R$ 500.000.

Quanto às fitas, que têm um valor histórico extraordinário, será necessário gastar na sua digitalização.

Resta só a dúvida de como ficará o problema dos direitos autorais, após, por exemplo, Benedito Ruy Barbosa ganhar na Justiça uma disputa contra Silvio Santos pela reexibição do original da novela Pantanal.

E, aí, outra questão: o que levou essa pessoa a arrematar o uso do nome TV Manchete?

São várias as possibilidades, mas a principal é ser alguém interessado em reviver a TV Manchete, por exemplo, num canal a cabo.

Tudo pode ser, como pode não ser. Rapidamente ou não.

Do R7.