Em isolamento social, Silvio Santos completa 90 anos neste sábado

Dono do SBT não grava um novo Programa do Silvio Santos desde dezembro do ano passado, quando saiu de férias

Em isolamento por causa da pandemia, o apresentador Silvio Santos completa 90 anos neste sábado (12). Nascido em 1930, no bairro da Lapa, no Rio de Janeiro, a trajetória do ex-camelô que se tornou um dos magnatas da televisão brasileira é conhecida por todos.

O ano de 2020, no entanto, tem sido duro para o empresário. O dono do SBT não grava um novo Programa do Silvio Santos desde dezembro do ano passado, quando saiu de férias. Só retornou de sua viagem em março –quando a pandemia já havia se estabelecido no Brasil. Desde então, segue em isolamento, por ser do grupo de risco.

Sem seu patrono à disposição para gravar, a emissora exibiu ao longo do ano reprises de programas já gravados. A estratégia resultou em pérolas, como a exibição, em pleno ano de 2020, de um programa em que o ex-jogador Ronaldo (à época da gravação ainda em atividade) dá palpites sobre a Copa do Mundo de 2010. O até então atleta do Corinthians, destaque-se, chutou corretamente: apostou em Espanha campeã, o que realmente aconteceu naquele ano.

Antes do isolamento social, Silvio já vinha enfrentando adversidades à frente do SBT. Passou a colecionar nas redes sociais reações revoltadas, impulsionadas pelo fato de ter se aproximado do presidente Jair Bolsonaro, com acusações de ser racista, homofóbico e misógino. Um dos casos recentes aconteceu em 2019, quando promoveu votação em um show de calouros em que o público escolheu uma cantora negra como a melhor da disputa, mas o apresentador ignorou a votação e deu o prêmio a outra, branca.

Depois da repercussão, o SBT não se posicionou oficialmente. Na semana seguinte, Silvio falou sobre o caso e fez piada com a situação.

História:

Silvio Santos iniciou a carreira de apresentações para o público em um circo em São Paulo. Depois dedicou-se ao rádio e, em 1962, apresentou o 1º programa, “Vamos Brincar de Forca”, na TV Paulista. Em 1968, nasceu o Programa do Silvio Santos, que em 1993 bateu o recorde de programa mais duradouro da televisão brasileira.

Em agosto de 1981, Silvio Santos lançava seu próprio canal de televisão, o SBT (Sistema Brasileiro de Televisão). Hoje, conta com 114 emissoras e 6.000 colaboradores espalhados pelo Brasil.

Apesar do sucesso nos programas de auditório, a fortuna veio com outro produto: os carnês do Baú da Felicidade. Em tempos de inflação galopante e economia instável, Silvio comandou um negócio em que recebia prestações mensais dos usuários, que podiam trocar o valor pago antecipadamente por produtos em lojas espalhadas pelo país. Enquanto faziam os pagamentos, concorriam aos sorteios que davam a oportunidade de ganhar casas, carros, quantias em dinheiro e diversos outros prêmios.

Presidenciável:

Silvio Santos também já tentou se aventurar na política. Em 1989, nas primeiras eleições diretas após o fim da ditadura, o empresário lançou a candidatura à Presidência da República. Tentou, sem sucesso, sair candidato pelo PFL (Partido da Frente Liberal), hoje DEM (Democratas). Mas foi candidato pelo PMB (Partido Municipalista Brasileiro).

Em sua campanha estabeleceu 4 prioridades: alimentação, saúde, habitação e educação. Também citou como objetivos a redução da inflação e correção dos salários. O TSE (Tribunal Superior Eleitoral), no entanto, barrou a candidatura. Os ministros consideraram o empresário inelegível por suas ligações com a televisão.

Eis o vídeo da campanha:

SBT em 2020:

Apesar de estar afastado do estúdio e das gravações, Silvio Santos continua a comandar de casa a emissora. O SBT sofre com a queda de receita e audiência, por causa da pandemia, e faz esforços para se adaptar ao mercado.

Entre as apostas para o ano está a compra dos direitos de transmissão da Copa Libertadores da América de 2020 a 2022. A venda foi realizada depois que o Grupo Globo rescindiu o contrato com a Conmebol.

SBT também fez uma parceria editorial com o Poder360 e exibiu durante 1 ano o Poder Em Foco, programa semanal de entrevistas. Em 22 de outubro, no entanto, a parceria foi encerrada. O programa segue sendo produzido. Em 2020, a emissora criou também o SBT News, portal de notícias on-line, que estreou em 4 de setembro.

Do Poder 360