Em debate com bolsonarista, presidente do PSOL da PB leva leite condensado e brigadeiro como protesto

Queixa de Tárcio Teixeira, durante programa F5, da 89 Rádio Pop, nesta sexta, é devido 1,8 bilhão em alimentos gastos pelo Governo Federal em 2020

O leite condensado e brigadeiro foram usados como instrumento de protesto pelo presidente estadual do PSOL, Tárcio Teixeira, durante debate realizado no programa F5, da 89 Rádio Pop, nesta sexta-feira (29), onde ele esteve frente a frente com o deputado estadual, Cabo Gilberto, defensor do governo do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido).

+Bolsonaro rebate gasto com leite condensado com xingamento à imprensa

No início da entrevista, Tárcio abriu uma refratária, que tinha vários brigadeiros e retirou também de um saco plástico uma lata de leite condensado e disse: “eu trouxe uma lembrancinha, que não foi comprada com dinheiro público, mas com meu salário. Trouxe um brigadeiro com leite condensado. Quem quiser adoçar um pouco a vida, já que o dinheiro público tem sido duramente tirado do povo brasileiro”.

+PDT pede que STF investigue governo Bolsonaro por gastos com alimentação

Entenda o caso

Uma reportagem do Metrópoles publicada no domingo (24) mostrou que o governo federal gastou mais de R$ 1,8 bilhão em alimentos em 2020. De acordo com a reportagem, o gasto foi 20% maior do que o de 2019. Alguns gastos, como o de mais de R$ 15 milhões em leite condensado, chamaram a atenção e repercutiram nas redes sociais.

Assista trecho da entrevista: